despedimentos tecnológicos] Este unicórnio despediu 400 pessoas com uma videochamada

Em 2018, a Bird tornou-se no unicórnio mais rápido de sempre. Passou a ser avaliada em mais de mil milhões de dólares apenas alguns meses depois de ter começado a partilhar trotinetas nos Estados Unidos e, depois, na Europa. Só que o novo coronavírus está a arrasar as contas da empresa, ao ponto de ter despedido mais de 400 pessoas na passada sexta-feira. O que ninguém esperava é que os funcionários fossem mandados para a rua através de uma videochamada. Tudo aconteceu através da plataforma Zoom: Travis VanderZanden, antigo administrador da Uber e que fundou a Bird, marcou uma reunião com centenas de trabalhadores. Só que ninguém sabia quem estava na lista e não havia qualquer possibilidade de fazer perguntas, ao contrário do que acontecia habitualmente nesta plataforma de mobilidade.

dinheiro vivo” – 2020/04/03 - https://www.dinheirovivo.pt/empresas/este-unicornio-despediu-400-pessoas-com-uma-videochamada/